MENU

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Cuidador: aliviando o stress

Cuidar de uma pessoa com doença de Alzheimer pode ser uma tarefa muito estressante, uma vez que muitas vezes exige 24 horas de atenção e cuidados exclusivos. Geralmente o cuidador não tem apoio dos familiares nessas horas, cansa-se física e mentalmente por acordar às vezes no meio da noite com o paciente acordado, por ter que cuidar da casa sozinho, administrar as finanças, acompanhar o paciente em cada passo, acabando por se isolar socialmente e esquecer da própria saúde ou da própria vida. Como resultado, surgem respostas típicas do processo de cuidados, como:

- Culpa
- Raiva
- Problemas financeiros
- Ansiedade
- Fadiga
- Depressão
- Transtornos do sono
- Isolamento social

Para tentar melhorar seu bem-estar, o cuidador pode utilizar-se de métodos como:

- Criar uma programação diária
- Dedicar algum tempo para si mesmo
- Distribuir a carga de trabalho com familiares e amigos
- Realizar atividades de relaxamento diariamente
- Participar de grupos de apoio ou de aconselhamento individual
- Manter atividades sociais
- Contratar um cuidador profissional, quando necessário.
- Considerar casas de repouso para o paciente, se necessário.

O cuidador, ao participar de grupos de apoio, compartilha experiências vividas por outros cuidadores, além de fazer novas amizades, combatendo o isolamento social no qual geralmente mergulham e recebendo conselhos de como lidar com a DA. É possível também contratar uma pessoa para auxiliar nos cuidados com o paciente no dia-a-dia ou mesmo para cuidar do paciente por um dia, caso o cuidador sinta necessidade de ter um dia para dedicar-se a si próprio.

Casas de repouso podem ser adequadas para cuidar do paciente quando ele já se encontra em um estágio no qual o tratamento e os cuidados necessários tornam-se muito complicados. Contudo, deve-se analisar as condições da casa de repouso, como a limpeza, a quantidade de cuidadores para cada paciente, o tipo de atividade proposto para pacientes com doença de Alzheimer, a assistência médica oferecida aos pacientes, a maneira como os funcionários lidam com os pacientes, etc.

Mais informações podem ser obtidas através de instituições especializadas em auxiliar cuidadores e pacientes com doença de Alzheimer (Veja na seção "Saiba Mais").